quinta-feira, março 22, 2012

Homens e mulheres...

Gosto de traduções de títulos que tentam explicar as estórias. Gosto porque é estúpido e é às vezes ser estúpido é cool. Por isso, para quem andou à procura do filme "a rapariga com a tatuagem de dragão" deve ter tripado quando encontrou "os homens que odeiam as mulheres". Estou ansiosamente a aguardar uma tradução de um título que seja "E ela morre no fim".
Tal como há homens que odeiam as mulheres, há o contrário e o vice-versa. Mas não é disso que trata este filme.
Este filme trata do frio. Da frieza humana. E a frieza humana está espelhada na própria Natureza. E isso é interessante. Intensifica a mensagem, o contexto, os personagens e o enredo.
Este é daqueles filmes que é quase bom e, por essa razão, deixa-nos a pensar que o livro que deu origem ao sururu deve ser ainda melhor.
Mas o que me lixou mesmo foi "os homens que odeiam os gatos". Era preciso esquartejar o felino. Não haveria outra forma de dizer que "a curiosidade matou o gato"? Se calhar não...
Nota final: a chavala desconhecida vai muita bem.

1 comentário:

Mara disse...

Na minha modesta opinião, o livro- ou os livros, a trilogia é muito boa - é bem melhor que o filme. E não é que o filme seja mau, que não é, mas depois de ler os 3 livros de empreitada, é difícil não criar expectativas. E as minhas eram para lá de elevadas :) não gostei nada do final do filme, principalmente por ser muito diferente do desfecho do livro.
Gostei do elenco e a Rooney Mara é perfeita para o papel (deve ser do nome :))
Beijufas